FacebookPinterestTwitter
13. Outubro 2022

MODALISBOA OASIS: O FIM DA TRAVESSIA

-  ModaLisboa Oasis

MODALISBOA OASIS: O FIM DA TRAVESSIA

Um OASIS na Travessia. A Lisboa Fashion Week foi, no espaço e no tempo, um lugar de celebração da criatividade.

Mais de dez mil convidados para desfiles. 240 jornalistas nacionais e 30 jornalistas internacionais. No digital, dois milhões de impressões, 200 mil visualizações de streaming só no micro-site e na app powered by Altice Portugal, número ao qual se acrescentam as 20 mil visualizações de streaming dos desfiles no Facebook e 15 mil no Instagram — as Fast Talks e os nossos Designers conquistaram, por isso, mais de 235 mil visualizações online. São números que não espelham a imaterialidade de uma Semana de Moda, mas refletem o acrescido interesse por uma disciplina global capaz de mover mundos.

A MODALISBOA OASIS, em coorganização com a Câmara Municipal de Lisboa, começou com as Fast Talks (as conversas já estão disponíveis na íntegra aqui) e desenrolou-se para mostrar 31 coleções (os vídeos de cada desfile, aqui). Com Designers que diversificaram o seu formato de apresentação e que proporcionaram ao público muito mais que um desfile — uma experiência — a Lisboa Social Mitra, espaço da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, foi passado e presente, mas especialmente futuro. Quando falamos em futuro, é impossível não destacar os cinco Designers finalistas do concurso Sangue Novo supported by Seaside: Çal Pfungst, Darya Fesenko, Inês Barreto, Molly 98 e Niuka Oliveira regressam em março 2023 com novas coleções para competir pelos prémios IED — Istituto Europeo di Design, Tintex Textiles e Showpress.

E porque Moda vai muito para além de peças de roupa, a MODALISBOA OASIS recebeu também três exposições que se interligam e completam o pensamento de um evento que tem a missão de elevar a Indústria, a integração, a parceria e a cultura: SquatbyCABANAmad recebeu, para além de artistas plásticos, a performance de Marianne 3.0 e David J. Amado focada no género enquanto miragem; a Portuguese Shoes byAPICCAPS reforçou a transição do setor para a sustentabilidade e o MODAPORTUGAL by CENIT/ANIVEC emoldurou a tecnologia e inovação na indústria têxtil. A exploração do fértil território criativo foi celebrada na segunda casa da Associação ModaLisboa: a after-party, com o apoio da Moosh, abriu o Lux Frágil a um domingo para que a madrugada ainda nos recebesse no oásis.

Foram, assim, quatro dias de evento que não ficam por aqui. Esta semana, na RTP2, contamos todas as histórias da MODALISBOA OASIS para que nada fique por dizer: os horários de todos os programas, aqui.

Está feita esta Travessia. Agora, só nos resta criar o impossível.