FacebookPinterestTwitter
26. Junho 2020

“LUZES DA CIDADE”: ANTIGOS LETREIROS E NÉONS DE LISBOA VOLTAM A ILUMINAR-SE

-  Exposições

“LUZES DA CIDADE”: ANTIGOS LETREIROS E NÉONS DE LISBOA VOLTAM A ILUMINAR-SE

A exposição de néons “Luzes da Cidade” volta a acender-se, depois de ter sido cancelada devido à pandemia.

Rita Múrias e Paulo Barata são designers e dirigem, desde 2014, o projeto Letreiro Galeria, dedicado ao design e lettering urbano. Têm guardados mais de 250 letreiros - de néons a vidros pintados, de caixas de luz a letras metálicas - à aguardar por um futuro museu, mas entretanto vão fazendo exposições, como a que inaugurou ontem no espaço do atelier Ideias com Peso e da editora Stolen Books, em Alvalade, Lisboa.

“Luzes da Cidade”, em exibição até 12 de julho, é uma homenagem ao património gráfico de Lisboa, reunindo cerca de 20 caixas de luz e néons recuperados de sapatarias, pastelarias, restaurantes, bares, cabeleireiros e outros espaços da capital que fecharam portas. É viagem ao passado de lugares icónicos de Lisboa. Parte da exposição é dedicada ao bairro de Alvalade, com letreiros de espaços da Avenida de Roma e Avenida da Igreja, mas há letreiros de várias ruas lisboetas, como a Almirante Reis, a Rua da Prata, a Rua Garrett ou a Rua do Ouro.

A mostra pode ser visitada até 12 de julho, na Avenida Estados Unidos da América 105, de quinta-feira a domingo, entre as 15h e as 19h. A entrada é livre.