FacebookPinterestTwitter
26. Março 2019

MODALISBOA INSIGHT | REPORT 10 DE MARÇO

-  Insight FW 19/20

MODALISBOA INSIGHT | REPORT 10 DE MARÇO

Nuno Gama, Andrew Coimbra, Gonçalo Peixoto, Olga Noronha, Nycole (Powered by Portugal Fashion), Ricardo Andrez, Aleksandar Protic e Dino Alves foram os protagonistas do último dia de desfiles da MODALISBOA INSIGHT. 

Nuno Gama recuou até à década de 1930 e reconstruiu um look formal onde predominaram os fatos de 3 peças, os sobretudos, as camisas de colarinhos redondos, as calças curtas de corte direito, as boinas. Em paralelo, trabalhou looks mais casuais, com camisolas de gola alta e abrigos numa paleta de azuis, preto, verde, bege e apontamentos de vermelho.

O jovem designer luso descendente, Andrew Coimbraregressou à passerelle da ModaLisboa com uma coleção de streetwear inspirada nas silhuetas lúdicas e na estrutura do vestuário de luxo dos anos 1970. Explorou materiais da sua infância como os veludos cotelé e devoré e o crepe com estampados de inspiração retro.

As mulheres, os seus desejos, e o que pensam sobre o mundo moderno e a feminilidade foi base da coleção de Gonçalo Peixoto. Uma coleção contemporânea que combinou silhuetas desconstruídas e apropriadas do streetstyle, com a reinterpretação de clássicos intemporais.

Olga Noronha apresentou “Flourish”, uma nova coleção de “vestidos escultura” feitas em pele. Num cativante happening, o “ego invisível” foi desvendado pela dança que das cinzas fez nascer flores.

Seguiu-se o desfile de Nycole, no âmbito do protocolo de cooperação estabelecido entre a Associação ModaLisboa e a ANJE, responsável pelo Portugal Fashion. Como habitualmente, a marca de menswear fundada pela designer Tânia Nicole apresentou uma coleção de streetwear, com detalhes do sportswear e do vestuário clássico masculino, onde predominaram as silhuetas oversized em materiais técnicos, denim e malhas tricotadas numa pateta de branco, preto, cinzento, caqui e laranja.

Valorizando o pensamento e a criação sustentável, Ricardo Andrez apresentou uma nova coleção de streetwear produzida com tecidos de stocks em desuso, marcada por estampados digitais, sobreposições e contraste de tons neutros e clássicos como o preto e o cinzento com cores ácidas como o laranja e o verde.

Depois dos heróis da coleção primavera/verão 2019, Aleksandar Protic explorou a ideia de liberdade encontrada no documentário "Cobra gypsies", que retrata a vida de uma tribo Indiana nómada. Jogou com as habituais assimetrias e drapeados, a mistura de materiais - lãs, sedas, viscose, pele sintética, scuba, lycra – e introduziu estampados, pouco habituais nas suas coleções. Azul escuro, amarelo e preto foram as suas cores de eleição nesta estação.

Dino Alves sempre manifestou as suas ideias, ideologias e crenças através das suas criações e nesta estação não foi exceção. A coleção que apresentou ontem é, segundo o criador, uma “Reação ao preconceito, à destruição do planeta, à desigualdade social, à liberdade de expressão, à ditadura da beleza, à injustiça, à desumanização das relações”. O criador trabalhou peças XXL, volumes, franzidos e efeitos drapeados, aplicou statements e múltiplos elementos gráficos nas peças, misturando elementos de um universo mais agressivo com outros mais românticos. E, como habitualmente, apostou numa paleta de cores variada - preto, branco, lilás, amarelo, vermelho, laranja, azuis, rosa forte, verde - e na mistura de padrões: florais, graffiti, riscas, xadrez. “Ser criativo é saber falar, sem abrir a boca!”, afirma Dino Alves.

E assim terminou a MODALISBOA INSIGHT, uma edição em que refletimos sobre os desafios sugeridos pela vontade de questionar e repensar a imagem projetada pela moda - uma vontade de encontrar também um ponto de equilíbrio entre a individualidade artística e a partilha de conhecimento, entre a irreverência emocional e a urgência em trabalhar em rede a assinatura de uma comunidade, de um país, de um tempo.

Se não teve a oportunidade de acompanhar a MODALISBOA INSIGHT durante o fim de semana, aceda agora ao nosso site, facebook e instagram e conheça as coleções dos nossos criadores para o outono/inverno 19/20.


MODALISBOA INSIGHT
FW 19/20
7. 8. 9. 10 MARÇO 2019
PAVILHÃO CARLOS LOPES 

Apresentação oficial das Coleções dos Criadores Portugueses.

A Lisboa Fashion Week é promovida pela Associação ModaLisboa em co-organização com a Câmara Municipal de Lisboa. A iniciativa é cofinanciada pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional através do Programa Operacional de Lisboa do Portugal 2020.