Exposições

ModaLisboa Metaphysical

CAN AN INDUSTRY BE A FORM OF ART?

CAN AN INDUSTRY BE A FORM OF ART?

Em 2022, a campanha Portuguese Shoes da APICCAPS, homenageia obras e artistas de referência da pintura portuguesa, recriando os ambientes que simbolizam a identidade artística que nos distingue como país.

Há 12 anos que a indústria do calçado celebra as artes e a cultura nacional, caminhando a seu lado e questionando: “Pode a indústria ser uma forma de arte?”. Este ano, na certeza dessa missão, a APICCAPS volta a reforçar a premissa de que a indústria é uma aliada dos artistas e que juntos criam momentos únicos e objetos de desejo.

Foram eleitos seis pintores portugueses de referência (Amadeo de Souza Cardoso, Almada Negreiros, Eduardo Afonso Viana, José Malhoa, Júlio Pomar e Paula Rego) e dois dos mais talentosos atores da sua geração, Albano Jerónimo e Anabela Moreira, dão vida a alguns dos seus quadros mais emblemáticos.

Sob a lente de Frederico Martins, esta interpretação fotográfica procurar captar a essência dessas obras, num elogio à tradição e à alma portuguesa, que nos distingue e, porque não dizê-lo, nos une e nos orgulha.

Há sempre magia no saber fazer (muito) bem feito, com um olhar de autor, na escolha dos melhores materiais, recortes, detalhes e encantos; feitos com o cuidado, tempo e dedicação que dura e perdura por gerações de artesãos. Como na pintura ou no cinema, na música, na dança e no teatro, a moda, e dentro dela o sector o calçado, é uma forma de arte e tradição portuguesa, mas também de modernidade, porque é viva e palpitante, anda connosco todos os dias.

A arte e a tradição de um país podem estar aos seus pés?

Estas campanhas pretendem, mais do que elogiar o talento nacional e retratar uma identidade, abrir uma porta para o exterior. Na sua génese, pretendem valorizar a herança do passado e do que fazemos melhor, para que esta qualidade e beleza sejam apreciados por todos, num mundo cada vez mais rápido e instável, e se cruzem com outros talentos e culturas, sejam um exemplo do que continua e perdura e encanta, mas sempre a aperfeiçoar-se em direção ao futuro.

MODAPORTUGAL by CENIT/ANIVEC

MODAPORTUGAL by CENIT/ANIVEC

"Nada se perde, tudo se transforma."

A célebre frase do químico francês Lavoisier ganha toda uma nova significância nos tempos que correm. A necessidade de uma mudança transformacional na indústria da moda começa a ser abraçada por muitos players que assumem o desafio da sustentabilidade como o standard das suas operações diárias.

O mais recente número da MODAPORTUGAL Prinçipal revela o caminho traçado pelo Grupo Valérius na consciencialização e educação para uma indústria da moda que se pretende mais circular, limpa e sustentável, sem nunca comprometer a qualidade, o know-how, a flexibilidade e a inovação já intrínsecos à etiqueta “made in Portugal”.

Uma reflexão sobre o futuro que se transformará rapidamente em presente.

TRAVESSIA/CROSSINGS by AORP

TRAVESSIA/CROSSINGS by AORP

A AORP regressa à Lisboa Fashion Week com uma exposição que une a sua mais recente campanha a uma coleção-cápsula que é uma fusão de talentos. No Piso 1 da Factory Lisbon, atravessamos oceanos, juntos.

A campanha Travessia nasce da ambição de afirmação internacional da joalharia portuguesa, atravessando a ponte que separa a nossa essência e tradição da necessidade de adaptação e de inovação no âmbito das novas dinâmicas do mercado global.

A exposição Crossings surge como materialização da Travessia. Cinco fábricas foram desafiadas pela AORP a criar uma peça de joalharia, em cocriação com uma figura ligada à arte, ao desporto e à cultura.

Inspirada pelo Mar como fio condutor da Travessia, esta coleção será o resultado de uma cocriação entre cada fábrica e uma personalidade portuguesa de destaque nas áreas da arte, cultura e desporto. Jéssica Pina, cantora e trompetista, em conjunto com a Tavares 1922; Gustavo Ribeiro, skater com medalha de bronze no Campeonato Mundial de Skateboarding 2019 em skate de rua, em conjunto com a Mesh; Gaspar Varela, guitarrista, com a Farilu; Blaya, artista musical, em parceria com a Juliana Bezerra Jewellery; Rafael Morais, ator, como parceiro da Magajoias.

Esta ação encontra-se inserida no projeto de internacionalização do setor da joalharia promovido pela AORP e financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização, com fundos provenientes do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

EGO SELFIE HOTEL WITH SOUNDBATH

EGO SELFIE HOTEL WITH SOUNDBATH

A ModaLisboa METAPHYSICAL e a CABANAmad apresentam EGO SELFIE HOTEL WITH SOUNDBATH, uma experiência artística imersiva aberta ao público de 10 a 13 de março, na Factory Lisbon.

Falar em selfie é falar em ego. Se não fotografamos, não aconteceu; se não nos fotografamos, não estávamos lá. A presença digital é o comprovativo, a fatura com contribuinte da presença física: é o que nos dá crédito na comunidade, o que nos posiciona, nos retrata e nos valida.

Mas para que este narcisismo digital e comunitário exista, precisa (ainda) de uma comparência física. Esta é a base do tema da Lisboa Fashion Week e é também o núcleo do EGO SELFIE HOTEL WITH SOUNDBATH, construído em parceria com a CABANAmad e com curadoria de Antonio Lettieri: um espaço com instalações de artistas plásticos e Designers ModaLisboa, cada uma pensada para ser vivida em físico e em meta. As obras são construídas para ser fotografadas e partilhadas com #egoselfiehotel, para que a sala atinja o seu propósito híbrido — com essas partilhas, construir-se-á um mural digital na conta de Instagram criada para o evento — e serão assinadas por Atelier Contencioso, Giovanni De Francesco, Alessandro Di Giampietro, BÉHEN (projeto promovido pela Secretaria Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego através do Centro de Artesanato e Design dos Açores), Daniele Giannetti, Anna Grenman, Lidija Kolovrat e Marta Pombo.

Se a selfie é o produto que representa a transição da cultura contemporânea para uma digitalização da identidade, o EGO SELFIE HOTEL WITH SOUNDBATH, com selfie rooms e ainda uma performance — Sound Bath, um caleidoscópio de sons cujos horários serão divulgados em breve — é uma celebração, uma incubadora de pensamento e uma crítica que não se leva demasiado a sério a esta forma de vida dupla que está cada vez mais una.

.

MODALISBOA EM COLABORAÇÃO COM CABANAMAD APRESENTAM EGO SELFIE HOTEL WITH SOUNDBATH
10 - 13 MAR 22
FACTORY LISBON, HCB
Entrada livre sujeita a registo.

.

FOTO:
Giovanni de Francesco
Monkey, 2021
Unique Piece
Gesso e Pigmento
17 X 20 X 10 cm